top of page

Seis Princípios da Persuasão

1.Afeição – Torne público as semelhanças e faça elogios genuínos. Conversas informais são oportunidades para descobrir pontos comuns. O elogio é um confiável gerador de afeição, encanta o interlocutor. Faça um comentário positivo. Mostre que em algum ponto os valores de vocês coincidem.


2. Reciprocidade – Dê o que gostaria de receber. Seja um sentimento de confiança, espírito de cooperação ou uma conduta positiva, um líder deve dar o exemplo do comportamento que espera dos outros.


3. Comprovação Social – Sempre que possível, use o poder da comparação com semelhantes. As pessoas dependem algumas vezes dos que estão à sua volta para ter dicas de como pensar, sentir e agir. A persuasão costuma ser muito eficaz quando parte de alguém de mesma hierarquia.


4. Consistência – Torne seus compromissos ativos, públicos e voluntários. As pessoas precisam estar alinhadas com os seus objetivos. Uma maneira eficaz de conseguir isso é fazer com que elas conheçam publicamente seus compromissos.


5. Especialista – Mostre seus conhecimentos, não pense que eles são óbvios. Quando a imprensa apresenta um especialista conhecido para opinar sobre algum assunto, é impressionante o efeito que isso provoca na opinião pública. Os líderes também deveriam esforçar-se para estabelecer e aprimorar suas especialidades para influenciar os outros.


6. Escassez – Destaque benefícios e informações exclusivas. Estudos demonstram que coisas e oportunidades se tornam mais valiosas conforme ficam mais escassas. Ao estabelecer suas propostas, líderes devem lembrar-se de que informações exclusivas são mais persuasivas do que aquelas que estão disponíveis a todos.

Princípios da persuasão

Comentarios


bottom of page